quarta-feira, 11 de março de 2009

...falta tanto!

Falta tanto até que possa ter a minha família toda reunida!
Hoje, por intermédio de um amigo tive mais uma confirmação, não oficial de que o meu filho está em Angola! Resta-me agora confirmar se ele está mesmo a estudar e em que ano. Lamento ter que recorrer a conhecidos, amigos e familiares para obter as informações a que tenho direito.
O Tribunal de Família e Menores do Porto continua sem tomar a decisão porque tanto espero. Entretanto, prossegue em Gondomar o procedimento criminal relativamente aos incumprimentos da mãe. Eu continuo privado de cumprir o meu dever: A mãe do Gonçalo continua sem me dar indicações sobre a forma de pagamento da prestação de alimentos! Por esta razão vou reservando o valor correspondente à pensão para a entregar logo que solicitada.
A mãe do Gonçalo continua em Portugal. Lá andará ela carregada com o seu orgulho e certa da sua razão mas, infelizmente incapaz de olhar para o lado e perceber que o Gonçalo tem 9 anos e está em Angola sem o pai e sem a mãe!
Não tenho conseguido estabelecer ligação telefónica e, consequentemente não tenho falado com o menino. Nada sei sobre ele!
Ontem, em conversa de família recordámos uma frase do Gonçalo durante o tempo que esteve por cá. Certo dia perguntava-lhe o meu sogro: "Que tal Gonçalo, gostas de Angola? Vais querer voltar?"...respondeu-lhe o meu filho" Gostar gosto mas...não quero escolher. Se eu for deixo de ver o meu pai, se eu ficar deixo de ver a minha mãe!". Pois...e ontem, quando conversávamos pensamos em conjunto...O Gonçalo foi sem o pai e sem a mãe! O meu filho foi sem escolha e, claramente sem vontade!
Será o ensino em Angola de uma excelência tal que a minha ex mulher prefere sacrificar o filho e mantê-lo lá? Estranha forma de se gerir a própria vida. Estranho coração que consegue manter um filho assim...tão longe e...por nada!
O nosso "meia leca" está a crescer de forma saudável e natural. Da última ecografia resultou que já pesa quase 1kg e mede 20cm. A mama, embora em casa com uma forte gripe, está óptima no que se refere à gravidez.
Agradecemos o carinho de todos. O carinho demonstrado para com o Gonçalo e para com o João. Muito obrigado pelo apoio e preocupação.
Um forte abraço

11 comentários:

Naotequero Nemtetroco disse...

A PRESEVERANÇA...

Amores venceram nos uma batalha mas não a " guerra".

UM beso enorme

tita kiko vi

Viva La Vida disse...

Obrigada pelo comentário Sérgio.
E o que importa mesmo é ser pai, e tu és, mesmo que não te permitam exercer essa "profissão".

Força

Beijos

Liliana disse...

Ola Sergio

E triste a forma como a tua ex-mulher age, e triste que uma mae alem de manter o filho afastado do pai, o mantenha afastado tambem dela, mas porquê?Que raio ha em angola ou no ensino angolano de tao especial, nao entendo amigo...que tudo se resolva o mais rapido possivel

As melhoras da Xana

Beijinhos grandes para voces

Cresce barriguita...cresce!!! disse...

Amigo Sergio,
Uma mãe que faz isso a um filho nãoé mae!!! ja o disse...volto a dizer...se lho tirasse mas mantivesse-o com ela, junto a ela porque o ama...ainda achava que era por amor....neste caso...sofre o menino que é o unico que nunca teve culpa de nada certo??? sofre o sergio pq quer ser PAI e nao lhe deixam....a mãe??? acho que nao sofre...ou se sofre nao parece....parece que o faz por despeito por vingaça...não entendo, nao entendo!!! Sou mae, estou numa situação delicada, mas jamais faria o meu filho sofrer dessa maneira, os filhos nascem, de uma pai e de uma mae, se ambos o amam, não se deve cortar as relaçoes familiares!!
eSTOU DO SEU LADO!! PARECE SER UM BOM HOMEM E SERÁ CONCERTEZA UM OTIMO PAI, não sei as causas sa separaçao...essas sao sempre do casal...!!MUita sorte, muita fé e tudo a correr bem na gravidez da sua mulher!!! Mil beijinhusssssssssssss

Cindy disse...

Como mãe não consigo entender essa mulher...
Beijokas!

Nós... disse...

Pois Sergio, relamente a nossa justiça é demasiado lenta para acompanhar o crescimento de crianças que como o Gonçalo, não tem culpa de nada e pagam um preço tão alto, por "futilidades" dos adultos que o acompanham...
Provavelmente e infelizmente quando a nossa justiça decidir e julgar os devidos culpados, já o Gonçalo está maior, e a infancia dele foi perdida, por ele mas tb por voces que não vos estam a dar oportunidade de o acompanharem nesta fase importante da sua vida que se aproxima... a adolescencia!

Assim que falar com ele, diga-nos como está o menino, se pelo menos esta bem, se quiseres claro, apenas para tb nos que acompanhamos esta triste historia, mas que tenho a certeza que acabara muito bem, saibamos tb se ele pelo menos esta bem...

Desejo as melhoras rapidas para a X e fiquei muito contente por o pequeno rebento estar bem, de saude, forte e saudavel :)

Um beijinho para voces

Mar disse...

Lamentável a forma como a mãe se aproveita do facto de o ser para privar o Gonçalo do afecto da família.
Desejo que tragas logo novidades melhores.
Continuação de tudo de bom com a gravidez.

Bjs

Carla e Diogo disse...

Imagino o quanto custa esta espera que não parece ter fim!
As melhoras à mamã e parabéns pelo bebé que vem aí.
Felicidades (incluidas com a presença do Gonçalo)
Beijinhos

Mamã e Tesourinhos disse...

Que desespero não saber nada do Gonçalo.
Não vos conheço pessoalmente, mas este teu sofrimento já faz parte do meu também. Não concordo com o se está a passar.
Força para continuar nesta luta.
Bjs para todos vocês e as melhoras da Xana.
Fica bem.
Bjs.

Shakti disse...

Apenas posso dizer-te aquilo que sempre disse...NUNCA DESISTAS !!!

bj

Kelly disse...

Antes de mais as melhoras para a mamã engripada...
Sobre o resto...apetecia-me abanar toda a mãe do Gonçalo para ver se ela entrava na real!!
desculpa os termos mas é inacreditável o bom senso dessa senhora....